Assuntos de Goiás TV

domingo, 9 de agosto de 2015

Eduardo Cunha arquiva 4 pedidos de processo para impeachment de Dilma

No final de julho, Cunha deu dez dias para que os autores adequassem os pedidos às regras exigidas pela Casa. De acordo com a Secretaria-Geral da Câmara, após o término desse prazo, quatro requerimentos de impeachment permaneceram sem os documentos necessários. Por isso, Cunha os arquivou – cabe ao presidente da Câmara analisar e, dependendo do caso, arquivar ou dar continuidade aos processos de impeachment do presidente da República.

Segundo a Secretaria-Geral, os pedidos arquivados não apresentavam requisitos como cópia do CPF do autor e autenticação do documento em cartório.

Ainda permanecem sob análise outros dez pedidos de investigação e afastamento da presidente, entre os quais o apresentado pelo Movimento Brasil Livre (MBL), que protocolou em maio um requerimento com 3 mil páginas e 2 milhões de assinaturas. 
G1 - Eduardo Cunha arquiva 4 pedidos de processo para impeachment de Dilma - notícias em Política


domingo, 24 de maio de 2015

Rosberg comemora vitória com ajuda da sorte e prega trabalho forte na temporada

Que a equipe Mercedes esta sobrando na temporada não é segredo para ninguém, apesar de mexer e virar, Sebastian Vettel dá sempre um jeito de colocar o carro vermelho da Ferrari entre as flexas de prata ou à sua frente.

Nico Rosberg assistiu ao domínio de Hamilton no início de temporada, mas levou a melhor sobre o britânico desde que a F-1 voltou para a Europa, ganhando sua segunda corrida seguida, duas semanas depois de triunfar na Espanha.

O piloto alemão, que era o segundo colocado e tinha poucas chances de vencer a prova no travado circuíto de Mônaco, até que uma batida forte de Max Verstappen obrigou a entrada do safety car e a Mercedes chamou o companheiro Lewis Hamilton aos boxes de forma equivocada.

"Realmente não tenho ideia de porque ele (Hamilton) foi chamado e eu não. Dentro do carro não sei como as decisões foram tomadas. Mas depois da relargada foi muito difícil porque os pneus estavam desgastados", revelou o vice-líder do Mundial na coletiva. Com a vitória, Rosberg diminuiu para apenas dez pontos a vantagem do rival Hamilton(126 a 116) no Mundial de Pilotos.

O brasileiro Felipe Nasr, da Sauber, fez uma boa prova e terminou em nono lugar, dentro da zona de pontuação. Já Massa teve um problema na largada e terminou apenas em 15º.

Rosberg comemora vitória com ajuda da sorte e prega trabalho forte na temporada - Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: fórmula 1,gp de mônaco,nico rosberg,sebastian vettel

Seguidores